Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Adoçar...


Ainda mais saboroso do que escrever...
É adoçar a boca dos amigos com poesia.

- Lígia Guerra -

Um comentário:

Francisco Elui Ferreira Terres disse...

Em algum Aeroporto, solto, livre,
Espero, O que? Não sei. Talvez última chamada.
Ou quem sabe? alguem que venha ao meu lado, e no olhar, transfira o que espero, mas não paro, que para muito é tão caro. Algo em mim está faltando, continuo procurando,
O medo é: E se encontrar? Vai perder a Graça? Sei lá? Venha comigo! E faça.
Sei que agora para Brindar tenho somente a taça. Então espero o complemento: que venha alguem, chegue e faça.

Francisco Elui