Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

...

Um comentário:

Francisco Elui Ferreira Terres disse...

Um dia voce aprende.
Prefiro que me interpretem, até como um bobo alegre.
Do que a seriedade, das minhas incertezas, dúvidas, com engano.
Entre tudo isso, primeiro confio no ser humano.
Viver é sinônimo de alegria, saber que sempre vem um novo dia.
E quando encontro a tristeza, vejo nela só a beleza e faço dela uma melodia.
Por isso suas visitas para mim são muito raras.
E smpre sem estadias.