Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

domingo, 16 de outubro de 2011

Sementes...

Eu tenho a mania de tentar melhorar o meio no qual fui semeada. Sim, eu procuro florir sorridente, exalar perfume, deixar os meus dedos dançarem entre as teclas do meu computador, enquanto a minha alma explode em êxtase. A contribuição é pequena, mas ainda assim eu não desisto, acredito que as minhas poesias, textos e palavras, sejam verbais ou escritas, possam ser pequenas estrelas que acenam no horizonte. Se elas farão a diferença na vida de outras pessoas? Realmente não sei, mas ainda assim eu procuro interferir, colorir, consolar, emocionar e fazer sorrir, mesmo que à distância. Sementes de amor... É tudo que eu posso plantar.


- Lígia Guerra -


3 comentários:

placco araujo disse...

E acredito que colhe reconhecimento...
Eu sinto exatamente isto vindo de você... todos os dias. Até me preocupo se alguns dias, você não passe por cima de você pra cumprir esta "missão"!
De qualquer forma, acredito que se o faz, é porque ao final, te dá mais do que lhe toma...

Bom final de domingo e um ótimo começo de semana...

Um beijo terno

Edson

Rui Ventura disse...

BOM DIA e que sua semana seja, assim como você. Simplesmente - MARAVILHOSA
e sim semeie, vc sempre consegue algo, o "tempo" não pode interferir tanto assim. Bj.

Quem Casa quer Casa disse...

Lindo... Sim...
Voce, seus versos, poesias, conselhos, fazem diferença!!!
Não só para mim, mas com certeza para todo mundo que passa ou já passou por aqui!
Você é uma pessoa ILUMINADA, com toda a certeza!!!
bjs