Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

sexta-feira, 22 de julho de 2011

Estrada...

Que a estrada da vida nos abrace com 
o que ela tem de melhor!

- Lígia Guerra -

PS: Estou amando Salvador!!!

3 comentários:

Alene Mattos disse...

que assim seja!

Francisco Elui disse...

Salvador: No restaurante Iemanjá uma Moqueca imperdível.
Nos restaurantes da Barra: o caldo de lambretinha! è a saidera da madrugada.
Projeto TAMAR. Um gesto de amor pela mãe natureza.
Terra dos contrastes culturais.
Vinte vezes estive em Salvador. Mercado Modelo, artesanato da Terra. Enfim um Paraíso, onde a população ainda carece de projetos sociais. Amém.

meninassemilusoes disse...

Amo essa cidade também! É aconchegante...exala cultura, calor humano e uma coisa inexplicável q nos faz sentir tão...brasileiros!!! É poesia pura o que se sente nesse lugar todo colorido, decorado, místico...inexplicável! Toca a alma...