Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Capricho...


O capricho é o coração falando. Isso serve para tudo em nossas vidas. Nós transformamos os ambientes e as relações através do nosso modo de ser e de agir. Quanto mais desorganizada for uma casa, uma mesa de trabalho ou a fala de uma pessoa, mais confusas estão as suas emoções. Eu não me refiro ao perfeccionismo, aqui o foco é o afeto que transborda através do zelo. 

Esse é um sentimento que independe do tamanho casa, ele está diretamente ligado ao tamanho do coração. Quanto mais evoluída for uma pessoa, mais belo será o seu mundo emocional e material. 

-  Lígia Guerra -


Nenhum comentário: