Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

domingo, 15 de maio de 2016

Paulo Coelho...


Existem dias que se tornam inesquecíveis. Hoje é um deles! Receber de presente do Paulo Coelho, uma das suas obras mais preciosas, é uma emoção indizível. Fiquei muito emocionada ao receber o ‘Alquimista’ com um recado imerso de tamanha energia. Saber que as mãos do autor tocaram as da leitora provoca uma forte alquimia de alma. Paulo Coelho querido, quero registrar a minha (e)terna gratidão pela generosidade e por tudo que esse gesto sempre inspirará em minha vida. 

Gratidão imensa à minha amiga Mariana, irmã de coração, que foi o elo de ligação entres destinos tão distantes. Praga, por um instante, ficou muito pertinho de Curitiba, graças a você!

- Lígia Guerra -



Nenhum comentário: