Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

Um tornado que cabe em um beijo...


E disse o amor… 
Não moro no ocidente. 
Não moro no oriente. 
Não pertenço à terra. 
Não pertenço ao céu. 
Sou um oceano em uma gota. 
Um tornado que cabe em um beijo. 
Um eclipse no momento do reencontro. 
O por do sol após os instantes sôfregos de entrega absoluta.
A luz que transcende a escuridão. 

- Lígia Guerra -




Um comentário:

Bell disse...

Quem pode explicar o amor??

bjokas =)