Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

quarta-feira, 27 de maio de 2015

Existem dias...



Existem dias em que o caos do mundo arrebata as minhas emoções. Uma sensação de angústia sem nome ou endereço certo invade a minha existência. Nesses momentos, um dos meus recursos é prestar mais atenção na existência. Foco na inteligência suprema que habita tudo. 

Retomo o meu eixo. Percebo que sou um grão de areia nesse universo infinito. E que uma sabedoria muito maior conduz o meu destino e de todas as vidas que habitam esse planeta. Então... A minha fé acalentada volta a fazer morada no meu coração.

- Lígia Guerra -


Nenhum comentário: