Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

ELEJA A SUA VIDA!!!


Amores, como escritora quero deixar um recadinho carinhoso para vocês: Não briguem com aqueles que vocês amam, admiram, respeitam ou até odeiam, por causa de política. Não alimentem mais confusão em um país que está faminto de ordem, dedicação e de afeto real. 

Tenho presenciado situações lamentáveis e recebido e-mails e recados absurdos falando dos candidatos e de suas famílias. Quero dizer que não preciso disso. Sou capaz de ler jornais, revistas, assistir aos debates e fazer as minhas próprias escolhas. 

Vote com a sua consciência e com o seu coração. Torça muito para que o seu candidato (caso seja eleito), faça menos bobagens do que o seu adversário. 

José Saramago, um dos meus escritores prediletos afirmava… "Aprendi a não tentar convencer ninguém. O trabalho de convencer é uma falta de respeito, é uma tentativa de colonização do outro.” 

Estamos muito longe de termos os políticos ideais. Mas que tenhamos o respeito ideal. O afeto ideal. O bom senso ideal. A generosidade ideal. O equilíbrio ideal. Pois no cruzar dos caminhos... todos torcemos por um país ideal. 

Independente de quem ganhe ou de quem perca, as nossas vidas continuam tendo sentido ao lado daqueles que ELEGEMOS para o nosso convívio íntimo. 

- Lígia Guerra -


Um comentário:

Bell disse...

Está ai uma coisa que não discuto é política.
Futebol e religião tb.
Respeito as opiniões alheias, mas não tenho interesse em entrar em rodas para discutir.


bjokas =)