Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

segunda-feira, 18 de novembro de 2013

Sou...



Sou atrapalhada... Desorientada... 
Do tipo que usa bússola para enfeite... 
E se orienta por lembranças... 
A casa rosa à esquerda... O ipê amarelo à direita... 
Também não sou do tipo contida. Rio alto. 
Gargalho às Av3ssas. Choro até a última gota. 
Abraço apertado! 
Amo da mesma forma, in-ten-sa-men-te. 
De maneira plena, verdadeira e absoluta. 
Sou aquela que não sabe amar em silêncio. 
Cantarola. Declara-se. Derrete-se. 
Entrega-se. Promete-se. Compromete-se. 
Que sente em voz alta! 

 - Lígia Guerra -


Um comentário:

Bell disse...

adoreiiii!!

bjokas =)