Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

terça-feira, 25 de junho de 2013


Jamais permita que alguém mensure o seu valor... 
Que o rotule ou o julgue. 
Nunca confie naqueles que buscam tirar o seu equilíbrio 
e o estimulam a desacreditar em si mesmo. 
O que está plantado no jardim sagrado do seu coração 
pertence a você e jamais deve ser
banalizado ou subestimado. 
Somente a sua alma, 
essa energia que habita os recônditos 
mais íntimos e preciosos dos seus sentimentos, 
é capaz de saber e de sentir o que de fato transita dentro de você. 

 - Lígia Guerra -


Um comentário:

Bell disse...

perfeitoooo.

bjokas =)