Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

sexta-feira, 22 de março de 2013

Hoje é dia...


De receber os amigos com pães feitinhos na hora.
De mimar aqueles que amamos 
com o carinho de um saboroso alimento.
De abraçar com doçura cada momento compartilhado.
Hoje é dia de receita nova e de amigos antigos.

- Lígia Guerra -



Um comentário:

placco araujo disse...

Pois então.

Como me enquadro na categoria de amigos antigos, vim aqui saborear os seus brioches, se possível com geleia e aquele seu chá maravilhoso.

(Estava relendo comentários seus de 2011, e me ocorreu há quanto tempo você me trata com tanto carinho!)

Dê uma passada por lá. Aquele pedaço anda com saudades de você, menina travessa.

Beijos e_ternos.