Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

domingo, 24 de fevereiro de 2013

Liberdade...


Viver como desejamos não deve despertar sentimentos de culpa. 
Mas despertar a criatividade. 
Reforçar a coragem. 
Dar a dimensão da própria liberdade.

- Lígia Guerra -


Um comentário:

Francisco Elui Ferreira Terres disse...

E na categoria amor, o Oscar vai para: A mulher de verdade, em Pensando as Av3ssas, da memorável autora Ligia Guerra.
Dedicado à VIDA, mesmo em plena era do verniz.
Te desejo mais um momento Feliz!

Francisco Elui Ferreira Terres