Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

2013... De cara nova!!! Sinta...

Todos me questionam: 
O que você quer conquistar em 2013?


Sinceramente? Nada. O que eu desejo ter em 2013 vai muito além de conquista, implica em algo muito mais importante do que reconhecimento, sucesso ou grana. Eu quero apenas estar cercada de bem querer. Se a vida for generosa em me conceder algum desejo... Que seja AMOR! Sim, apenas amor. Nada mais gostoso do que ofertar, receber e multiplicar. O que pode ser melhor do que você chegar a um lugar e ser recebida com... “Estava faltando você!” Sorrisos que se abraçam, lábios que comungam palavras de afeto, brindes de união. Amor, amor e amor, sem ele eu não sei trabalhar, criar, existir, sorrir, ser. Ele é a única razão, motivação e canção que embala a minha essência. Reencontrar um amigo na padaria, receber uma mensagem de Feliz Ano Novo, enviar um torpedo com a palavra saudade, sorrir simplesmente por estar viva e fazer parte dessa incrível comunidade humana, isso não é uma questão de conquista, mas de se sentir parte de algo maior. Esse é um sentimento que não dá para mandar embrulhar, ele cabe apenas na palavra sentir. AQUI ESTOU 2013! Renovada. Amada. Motivada. Aqui estou para te amar. Única. Plena. Inteira. Aqui estou. Superei as dores. Pulei obstáculos. Eu te amo e te recebo transbordando de fé! Sinta. 
Apenas SINTA

 - Lígia Guerra -


Um comentário:

Luiz Alfredo disse...

Bela reflexiva
poética
uma bela mulher
poeta
acima de tudo
um ser

Luiz Alfredo - poeta