Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Descobri...



Há tempos... Deixei de me intimidar pelos meus medos, não fujo das minhas angústias e não me frustro com as minhas escolhas aparentemente equivocadas. Quanto à felicidade, abraço-a com todas as minhas forças, seja em momentos fugidios ou intensos. Descobri que intensidade não mata. Se for para cair, quero mais é despencar, feito quem se arremessa ao encontro do próprio destino.

- Lígia Guerra -

Um comentário:

Quem Casa quer Casa disse...

Hoje pensei assim, estava indo trabalhar com medo, um dia te explico! Hoje enfrentei, mudei de atitude... Parei, pensei,não chorei...
Obrigada, estar aqui me da forças...
bjs