Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

domingo, 28 de agosto de 2011

Desejos de amor...

Eu amo quando você repousa os seus olhos sobre os meus e simplesmente esquece os ponteiros do relógio. Eu enlouqueço quando esses mesmos olhos me desnudam e sussurram, entre os nossos silêncios constrangidos, todos os seus desejos de amor.

- Lígia Guerra –

Um comentário:

Haydee Cerantola disse...

Poeta será que somos almas irmãs...?
Você diz exatamente o que a minha alma sente e me move, me comove.
Ti Amo Mulher...!!