Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Atravessando-o...


Eu não quero viver apenas aquilo que a vida me oferece... Eu quero mais, muito mais! Então escrevo, canto e encanto, uso todos os artifícios possíveis para convencer a vida a me ofertar também os seus mistérios, aquela parte da existência que faz desabrocharem rosas do peito e borboletas da barriga. Sim, eu quero emoção, diversão, prazer e alegria intensos. Se eu tiver que trilhar sobre a linha tênue que separa a sanidade da loucura, o perigo da segurança ou as minhas crenças das minhas descrenças, eu me arriscarei. Só existe um jeito de saber o que tem do outro lado do rio,atravessando-o!

- Lígia Guerra –

3 comentários:

Miguel Barrios Payares disse...

Saludos Ligia,
Ten un buen día.

Rita disse...

Lígia,
que lindo...é sempre bom visitar seu blog.

Hanna Brescia disse...

Ligia

Me encanta sua forma de escrever.
Você passa tanta segurança !!
Você consegue agregar a seu
escrito segurança e verdade.

Parabéns

Hanna Brescia