Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

sexta-feira, 1 de julho de 2011

Torne-se...

Seja soberbo e você continuará sendo um ser comum.
Torne-se humilde e você será extraordinário.

- Lígia Guerra -

Um comentário:

Francisco Elui disse...

Nunca devemos chegar ao TOPO, pois ali só ha um caminho. A DECIDA.
Se caio, levanto, se levanto caio,
parece que fizeram da minha vida um balaio.
Anoiteço e amanheço, vivo com o que mereço, ter amigos não tem preço. Nem horário.... rsrs.
Prefiro os que são avesso.

Srta. Ligia, bom fim de semana.

Francisco