Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

domingo, 3 de julho de 2011

Profundidades...

Nunca fui uma mulher de metades...
De amores pequenos...
Dos sentimentos supérfluos.
Prefiro afogar –me na profundidade das emoções...
A caminhar no raso.

- Lígia Guerra –


video

2 comentários:

Patricia disse...

intensas palabras, hermosas!

buen video con esos efectos sensuales.

un abrazo fuerte.

Rita disse...

A vida é pra ser vivida com plenitude, para o que der e vier... ser inteiro paixão, emoção... Passada a entrega ficam as boas lembranças do foi e, não das possibilidades do "se".Ser verdadeira com sua emoções é se reconhecer merecedora dos momentos de loucura.