Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

domingo, 29 de maio de 2011

Asas...

Hoje as minhas costas doem...
As minhas asas não param de crescer.

- Lígia Guerra -

3 comentários:

Senhor Geninho disse...

Voa Lígia, voa!
Voa com as asas da alma,
nos braços de um tempo infinito...

Fernando Azevedo disse...

Oi Lígia! Hoje minhas asas estão crescendo e se fortalecendo...daqui algum tempo voarei pra te encontrar acima das montanhas mais altas....beijos
tenha uma ótima semana!
e tem festa chegando ai...11......

Mary disse...

Nossa que foda esa frase Ligia, claro e objetiva!