Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

Mudancas e a perda da familiaridade...


Todas as mudanças, inclusive as mais esperadas, tem um lado tristonho. Sabemos que aquilo que deixamos para trás contém uma parte de nós. É como se morrêssemos para uma vida antes de ingressar em outra. 

É por esse motivo que muitas pessoas temem as transformações. O medo nem sempre é da novidade, mas da perda da familiaridade. 

Por isso admiro tanto as crianças, elas não têm medo de crescer. 

👧🏻 - Lígia Guerra -


Nenhum comentário: