Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

domingo, 2 de novembro de 2014

Vem pra cá...



Vem, vou te passar pro papel e sublinhar seus sujeitos. Vem pra mim. Vem me ter. Vem pra eu te escrever. Vem pro meu mundo incerto e ingressa nele sem estado prévio de partida. Vem e não volta mais. Vem e me tira a paz. Não precisa dizer nada. Só fique aqui comigo até eu me sentir menos perdida. Fique aqui e me abrace forte.


Um comentário:

Gracita disse...

Belíssimos versos de amor! Grande sensibilidade romântica
Uma semana iluminada
Beijos