Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

quinta-feira, 10 de abril de 2014

Recanto...



Aqui é o meu canto e o meu recanto. A minha paz e o meu refúgio. Aqui posso revirar a alma. Expressar a minha essência e as minhas urgências. Olhar para dentro sem restrições. Desnudar as minhas obscenidades. Refutar os meus silêncios. Apostar na minha ousadia. 

 - Lígia Guerra -

Nenhum comentário: