Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Indecência...


Habita em mim certa indecência...
Dessas que a gente não consegue controlar.  
Uma mania de ser eu mesma.  
Tenho o hábito de rir quando não devo.  
Emociono- me diante do improvável.  
Sou péssima para seguir protocolos.  
Entedio- me com o previsível.  
O informal me encanta. Cativa.  
Despe as minhas emoções.  

  - Lígia Guerra -



Um comentário:

Jorge Jacinto da Silva Junior disse...

Lindas palavras... Abraços Jorge.