Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Esbarrou...


Não fique parado, mova-se!
Faça acontecer, 
seja um café entre amigos ou o cultivo do seu jardim.
Não importa.
O que interessa é o movimento, 
a possibilidade da conexão com o novo.
Você já conheceu alguém que esbarrou 
em algo maravilhoso enquanto estava sentado?

- Lígia Guerra -


Nenhum comentário: