Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

terça-feira, 28 de agosto de 2012

Revela..


Assim como o caráter e a generosidade...
A verdadeira beleza se revela com o tempo.

- Lígia Guerra -


3 comentários:

Geraldo de Lima disse...

Olá, descobri seu blog por acaso e gostei muitíssimo. É carregado de muita poesia e reflexão. Tive o prazer também de assistir a um de seus vídeos no YouTube referente ao seu quadro sobre a temática da psicologia. Tomei a liberdade de alistar-me como seguidor e este é meu primeiro comentário. Gostaria de ter a oportunidade de comentar outras vezes. Obrigado.

Ah! Permita-me dizer também, com muito, mas muito respeito mesmo: você é uma mulher lindíssima! Espero que não fique brava pela ousadia deste elogio despretensioso e não-solicitado. Abraço amigo, cuide-se bem...

Carol Seelen disse...

Olá Lígia, seu trabalho é lindo! Admiro muito você, é tão bom te ouvir logo pela manhã passando mensagens de positivismo e conscientização sobre o comportamento humano em diversas situações do cotidiano, eu simplesmente admiro quando você fala, parece que você fala exatamente aquilo que eu quero ouvir, sabe?
Você é demais! Beijos e muito sucesso para você,

Lígia Guerra disse...

Queridos Geraldo e Carol,

Muito obrigada por esse amor em palavras.
Vocês são sempre muito bem vindos!!!

Agradeço os elogios e acima de tudo o tempo e o carinho que vocês destinaram a esse jardim que eu tanto cultivo e amo!

Lígia