Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

domingo, 17 de junho de 2012

Inflados


A vida é um ato de fé.
Ela não ganha força com 
o suspiro da hesitação.
A felicidade requer 
pulmões inflados de coragem!

- Lígia Guerra -

Um comentário:

Rui disse...

Tudo o que é mudado pela mão desta Moça fica melhor. Parece-me que, Você Lígia, leva ao pé da letra, e faz muito bem: Nosso caminho é para a frente, para cima, para Deus. Sempre se superando. Cumprimentos.