Lígia Guerra

Lígia Guerra
Por que carrego doçura na alma e asas nos pés?
Porque sinto a vida além do óbvio.
Porque enxergo sol em dias de chuva.
Porque amo até mesmo o desamor.
Porque acolho cada gesto com os braços do coração.
Porque perfumo o caminho das estrelas.
Porque componho alegria na poesia da tristeza.
Porque desejo colorir a vida com olhos de fé!

- Lígia Guerra -

sábado, 23 de abril de 2011

Coragem...


Se você tem a coragem de deixar para trás tudo que lhe é familiar e confortável, pode ser qualquer coisa, desde a sua casa aos seus antigos ressentimentos... E embarcar numa jornada em busca da verdade, para dentro ou para fora, e se você tem mesmo a vontade de considerar tudo que acontece nessa jornada como pista... E se você aceitar cada um que encontre no caminho como professor... E se estiver preparada, acima de tudo, para encarar e perdoar algumas realidades bem difíceis sobre você mesma... Então a verdade não lhe será negada.

- Elizabeth Gilbert -

Um comentário:

Francisco Elui disse...

Me perdoei, já esqueci quando foi. Como esqueço o que não faz bem.
Esta semana caminhando no parque, encontrei um cãozinho, com um probleminha numa pata.
Fiquei de joelho pra observar e entender. Ele deitou ao meu lado colocou a outra patinha em cima da minha coxa pedindo ajuda.
No momento conversei com ele. dei carinho. Quando retornei pra leva-lo ao veterinário, não encontrei mais. Uma lição... Nada na vida vem à nós pronto. Acontece na hora certa. Daqui uns minutos irei caminhar novamente, espero ´reencontrar já recuperado.
Bjs.
Fco.